Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blog Restart

A Restart é um centro de formação profissional que constitui um espaço único de formação, produção e animação cultural em Lisboa.

Workshop Juvenil Iniciação ao Cinema 20, 21, 22, 23 e 24 de Agosto Formador | Nuno Campos Baptista e Ricardo Nogueira

 

 

PÚBLICO ALVO
Todos os jovens interessados em saber contar uma narrativa através da produção audiovisual.

OBJECTIVOS
Saber os princípios básicos da escrita de argumento, da captação, da iluminação, da realização e da montagem.

CONTEÚDOS

1º Dia
A equipa de cinema.
A linguagem dos planos.
A escrita de argumento.
Exercícios de argumento.

2º Dia
Operação de câmara.
A iluminação de 3 pontos.
A captação do som.

3º Dia
Filmagem de uma pequena narrativa.

4º Dia
Iniciação ao Final Cut Pro.
Saber utilizar as ferramentas principais de
corte e ajuste de planos.

5º Dia
Montagem do exercício filmado.

HORÁRIO
9h às 13h

HORAS
20h

VAGAS
16 Participantes
(mínimo 8)

ADMISSÃO
Conhecimentos mínimos de inglês e de informática.
Ter entre 14 e 18 anos de idade.


PREÇO
Inscrição - 50€
Geral + 130 €

| parceiros restart: 15% desconto
(consultar parceiros em www.restart.pt)
Descontos não acumuláveis e aplicáveis apenas
ao valor “Geral”
Pagamento integral até à primeira semana
antes do início.

Pagamento integral até uma semana antes do início

 

FORMADORES |
Nuno Campos Baptista e Ricardo Nogueira

Nuno Campos Baptista nasce em Lisboa em 1979.
Após completar o curso de Realização na Restart em Julho de 2005, inicia o seu percurso profissional com colaborações com a Companhia Rui Lopes Graça e com o Festival Alkantara, para quem realiza diversos trabalhos em vídeo. Trabalha como realizador e montador em varios programas televisivos para canais como a RTP e MTV. Realizou várias curtas de ficção e experimentais, das quais se destacam “Ad Vitam” e "27 onças", com presença em variados festivais como o IndieLisboa ou o Festival de Curtas de Vila do Conde – Take One. Em 2010 realiza o Documentário Li Ké Terra, que vence a
competição nacional do Doclisboa e tem variadas
presenças em festivais internacionais.

Ricardo Nogueira Iniciou a sua actividade no meio audiovisual em 1991, na Nova Imagem colaborando como assistente de iluminação e de câmara em mais de 300. Iniciou‐se na Operação de Steadicam em 1994.
Desde então, começou a supervisionar tecnicamente e a operar câmara no estúdio da Multicena, onde participou em vários programas de ficção e de entretenimento. Em 1995 começou a trabalhar como freelancer, operando steadicam para comerciais e TV, supervisão e operação de câmara para TV. Em 1996 abriu a sua produtora e em 1997 foi para a Austrália, estudar e trabalhar. Em 1999 de volta a Portugal,
dedicou- se às séries de ficção (13 episódios) como
Supervisor Técnico, operador de câmara e steadicam (Raia dos Medos, Conde de Abranhos, Alves dos Reis, O Processo dos Távoras e Ferreirinha).
Em 2003 partiu de novo, desta vez para Londres, onde estudou realização e direcção de actores.
Em 2006 regressa a Lisboa e funda uma ONG a “Help Images” que trabalha na área de comunicação para o 3º sector.
Agora mais ligado à produção e realização, filma sem nunca perder o olhar e a percepção adquiridas na operação de câmara e steadicam, que continua a operar sempre que necessário.